28 agosto 2010

Gente Inocente


Há umas duas semanas estava caminhando pela orla de Copacabana, por volta das 19h... quando vi uns menininhos fazendo aula de futebol, foi inevitável parar, fato! A maioria correndo atrás da bola ao mesmo tempo, 1 ou 2 pareciam saber o que faziam e um garotinho fofo se destacou. Era o menor de todos, se enfiando no meio dos outros, sem medo... encarando todos, atrás da bola!
Foi tão gostoso, tão bom ver aqueles menininhos felizes, brincando, inocentes... livres.
Sensação boa essa, né?





Já essa semana... estava indo embora do trabalho e vi duas menininhas que tiveram o poder de quase me emocionar. rs
Estava perto da estação do metrô de Botafogo e uma delas estava empurrando um carrinho de boneca, quando viu a coleguinha se aproximando... elas ficaram se olhando quase que hipnotizadas... duas crianças, deviam ter uns 6 aninhos, não sei... sabe aquele olhar inocente de criança querendo dizer "quero brincar com você" ou "posso ser sua amiga"? Sem maldade alguma, apenas duas crianças agindo de acordo com seus instintos, suas vontades.
Há coisa mais sincera do que o olhar de uma criança? Ela pode ser tímida ou não, ser sapeca ou não, ser hiperativa ou não... mas todas elas carregam a sutileza no olhar quando expressam algo, aquele olhar inocente que a gente não vê mais depois de "grandes".





Sinto falta dessa leveza, dessa simplicidade, da sinceridade, da liberdade de expressão, da falta de teorias... gente "grande" complica demais a vida, teme demais as coisas, é covarde consigo e com os outros...
Sinto falta de atitudes de uma criança no adulto, sem temer, agindo de acordo com o que sente vontade e que nós, gente "grande", calculamos demais e perdemos a conta, erramos sem nem ter obtido um resultado final, seja ele errado ou correto
.





Uma das músicas do vídeo:

O Dono da Terra

Eu queria saber o que é o que é
Que eu vi na TV
Dizia que o mundo não é um brinquedo
E tem um segredo
Que eu não sei dizer

Não é cabra-cega
Não é pique-esconde
Nem amarelinha
Não é um brinquedo
E tem um segredo
Que eu quero saber, que eu quero saber

Mãe me explica direitinho
O que gente grande entende muito bem
Como pode uma bomba explodir dentro de um trem?

Pai me explica direitinho
O que gente grande sabe muito bem
Como pode uma criança pobre de marré deci sem ninguém?

Vê qual é o nome do Dono da Terra
Inventor do céu e do mar
Pega o telefone, liga pra esse homem
Diz que é pra ele... reinventar